Como realizar o saque do PIS/PASEP liberado pelo governo – OMES
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
saque do PIS/PASEP

Quer saber como realizar o saque do PIS/PASEP que foi liberado pelo Governo Federal? Nesse guia mostramos como fazer isso de forma rápida e prática. Dessa forma você será capaz de aproveitar o benefício e conseguir uma renda extra para enfrentar o momento de crise.

PUBLICIDADE

O que é PIS?

Antes de falarmos especificamente do saque do PIS/PASEP, vale a pena entender o que isso significa. Bom, o Programa de Integração Social (PIS) foi criado pelo Governo Federal, como ferramenta para garantir a integração dos empregados do setor privado.

Dessa forma, os trabalhadores privados agora contam com um fundo, que pode ser usado em casos específicos.

PUBLICIDADE

Geralmente o valor é liberado pelo governo sempre que existem situações delicadas no mercado, com vistas a ajudar a população. O pagamento é feito diretamente pela Caixa.

O que é o PASEP?

Já o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP) tem como objetivo formar um fundo para os empregados que atuam no setor público. Dessa forma, se você é servidor público, muito provavelmente poderá fazer o saque do valor.

O pagamento desse benefício é realizado pelo Banco do Brasil e deve observar os cronogramas e calendários divulgados pelo governo. Dessa forma, para que você possa fazer o saque do PIS/PASEP, é importante estar atualizado sobre as notícias.

PUBLICIDADE

Qual é o valor?

Muitas pessoas possuem dúvida sobre o valor do saque do PIS/PASEP. Afinal de contas, quanto às pessoas realmente recebem? A resposta depende, tendo em vista que cada trabalhador terá um saldo diferente, dependendo da sua contribuição.

Dessa forma, aqueles trabalhadores que passaram mais tempo em serviço devem receber mais. No entanto, é possível dizer que o valor médio das cotas pode chegar a quase R$ 2 mil. Esse é um valor considerável, que serve como renda extra.

PUBLICIDADE

Vale a pena ressaltar que o saque do benefício é realizado em diferentes instituições, dependendo se o trabalhador é do setor público e privado. Quem é servidor público recebe por meio do Banco do Brasil e quem é do setor público recebe pela Caixa.

Para esse ano, o valor será proporcional ao tempo de trabalho. Poderá chegar ao máximo de R$1045, para aqueles que trabalharam durante 12 meses no ano passado. O valor mais baixo é de R$ 88, para aqueles que trabalharam apenas um mês.

PUBLICIDADE

Como fazer o saque do PIS/PASEP?

O saque do PIS/PASEP deve ser feito de acordo com as regras divulgadas pelo governo. Geralmente ele pode ser feito em casas lotéricas representantes da caixa, na própria Caixa e também em caixas eletrônicos da Caixa, de autoatendimento.

Esse é o meio de saque para aqueles que trabalham no setor privado. O Cartão Cidadão pode ser usado para realizar o saque, sem a necessidade de atendimento presencial. Agora, se você não tem o cartão, terá que se dirigir a um atendente.

PUBLICIDADE

Quem pode fazer o saque do PIS/PASEP

Como informamos, o saque do PIS/PASEP está disponível para duas categorias de trabalhadores: os do setor público e do setor privado. No entanto, existem algumas regras básicas a serem observadas. Uma delas diz respeito ao tempo de trabalho.

O pagamento é feito apenas para os trabalhadores que estavam em atividade até o dia 4 do 10 de 1988. Dessa forma, todos os trabalhadores que fizeram contribuições para os programas até essa data podem receber o valor, na forma de cotas.

Vale a pena destacar também que, em caso de morte do beneficiário cotista, os seus dependentes podem realizar o saque. Para isso, devem apresentar alguns documentos básicos, entre eles:

  • A certidão ou declaração que indique os dependentes que estão habilitados ao recebimento da pensão por morte, com emissão pelo INSS
  • O atestado fornecido pela empresa onde atuava o cotista, no caso de servidores da iniciativa pública
  • O alvará que informa quem foi designado o representante legal ou o sucessor do falecido. Deve ser indicado também o PIS do cotista e os documentos de identidade do representante legal ou sucessor
  • Documento formal de partilha ou escritura pública de inventário, seja ela judicial ou extrajudicial

É possível sacar o valor em outras hipóteses?

De acordo com a Caixa Econômica, o valor pode sim ser sacado em algumas hipóteses específicas, mesmo que fora do calendário de pagamentos. Vejamos alguns exemplos: idade igual ou superior a 60 anos; invalidez, câncer, SIDA/AIDS e morte do titular.

PUBLICIDADE

Essas são apenas algumas das situações que permitem o saque do PIS/PASEP pelo interessado. Nesses casos, o valor pode ser levantado a qualquer momento. Isso mesmo, sem a necessidade de esperar pela liberação por parte do governo.

PIS/PASEP agora é FGTS

O Governo Federal decidiu transformar as cotas do PIS/PASEP em Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. Agora ficou muito mais fácil ter acesso ao valor das cotas, já que ele será pago juntamente com esse outro benefício.

Isso significa que o governo acabou com o Fundo dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). Os valores existentes foram todos transferidos para o FGTS.

Dessa forma, o pagamento do PIS e PASEP ficou suspenso por um tempo, para a sua integração ao novo programa. Agora ele será pago novamente aos trabalhadores, que poderão ter acesso ao valor juntamente com o fundo de garantia.

Calendário de saque do PIS/PASEP

Agora, para ter acesso ao saque do PIS/PASEP, você deve estar atento às notícias divulgadas pelo Governo. O calendário de pagamento define a ordem do recebimento e estabelece também o procedimento.

Assim, vale a pena estar sempre atento às informações oficiais. A Caixa Econômica Federal divulga com frequência dados sobre o pagamento de benefícios, inclusive sobre o PIS e PASEP.

Conclusão

O saque do PIS/PASEP estará disponível para milhares de brasileiros. Vale a pena acessar o site da Caixa e conhecer melhor os programas. Se você nunca fez o saque, poderá ter uma boa quantia te esperando.

No momento atual em que estamos vivendo, o saque do PIS/PASEP funciona como um grande estímulo à economia. Ele permite que milhares de famílias possam garantir a sua subsistência durante o período.

Write A Comment

vinte + 20 =